Rúben Lima reforça Belenenses SAD

O lateral-esquerdo Rúben Lima, de 30 anos, é a primeira contratação do ?mercado? de janeiro do Belenenses SAD, anunciou hoje o atual 15.º classificado da I Liga portuguesa de futebol.

O defesa estava sem clube desde de que saiu do Moreirense na temporada passada, na qual realizou 21 jogos, tendo já sido orientado pelo atual treinador da formação lisboeta, Petit, em 2017/18, ao serviço do clube minhoto, numa temporada em que fez 40 partidas.

Formado no Benfica, o defesa representou, em Portugal, o Desportivo das Aves, o Vitória de Setúbal, o Beira-Mar, a União da Madeira e o Moreirense. Pelo meio, esteve quatro anos na Croácia, onde alinhou no Hajduk Split, no Dínamo Zagreb e no HNK Rijeka.

Depois das saídas dos médios Simon Ramírez (Universidade de Concepción, Chile), Jonatan Lucca (Farense), Benny (Desportivo de Chaves) e André Sousa (Gaziantepspor, Turquia), Rúben Lima é o primeiro reforço do plantel às ordens de Petit, que substituiu Pedro Ribeiro no cargo em 15 de janeiro.

Ler mais »

Revista de imprensa: O herói improvável

O triunfo do Sporting na receção ao Marítimo, com golo de Borja, é o principal destaque da imprensa desportiva desta terça-feira.

A Bola
Pelo ângulo certo: leões vencem com golo de Borja e regressam ao terceiro lugar (Sporting 1-0 Marítimo); colombiano marcou pela primeira vez em lance de difícil execução; Sporar estreou-se graças à lesão de Luiz Phellype; ?Temos de apanhar o FC Porto?, Silas. FC Porto: Conceição sai no final da época; ondas de choque após as declarações em Braga; concentração de poderes deixou o técnico praticamente isolado; FC Porto ? Gil Vicente às 20h15. Basquetebol: mundo chora o adeus de Kobe. Benfica: um onze de 100 milhões de euros; equipa que iniciou jogo em Paços de Ferreira a justificar o investimento.

Record
Herói improvável: Borja marca pela primeira vez e recoloca leões no pódio (Sporting 1-0 Marítimo); Sporar estreou-se e deu boas indicações; ?Queremos apanhar o FC Porto?, Silas; Luiz Phellype pode ter lesão grave. Benfica: Milan quer Florentino por ano e  meio; Fejsa e Zivkovic resistem à saída. FC Porto ? Gil Vicente às 20h15: união do plantel segura Conceição; influenciou decisão de Pinto da Costa.

O Jogo
À terceira foi de vez: leões viram dois golos invalidados pelo VAR antes de Borja agarrar a vitória (Sporting 1-0 Marítimo); Sporting ultrapassa Famalicão e sobe ao pódio; Luiz Phellype saiu lesionado e Sporar estreou-se. FC Porto ? Gil Vicente às 20h15: Soares à caça da presa que falta; gilistas são a única equipa da I Liga a quem ainda não marcou. Benfica: Tottenham e West Ham na pista de Seferovic.

Ler mais »

Silas: "Bruno Fernandes? Gostaria que ele ficasse"

Jorge Silas analisou o triunfo frente ao Marítimo e a hipotética saída de Bruno Fernandes.

Último jogo de Bruno Fernandes?

"Não, não lhe posso confirmar. Gostaria que ele ficasse. Gostava de poder contar com ele até final da temporada."

Mais perto do terceiro lugar?

"Faltam imensos jogos. O Famalicão é a grande surpresa da Liga, tem jogado um futebol muito atrativo, não acredito que o Famalicão se deixe ficar por aqui. Depois é tentarmos apanhar o Porto. Enquanto matematicamente for possível. Não esquecer as equipas que vão atrás. Vão haver muitos pontos por disputar."

Falta de apoio?

"Não senti falta de apoio. Se nos ressentíssemos não jogaríamos melhor na segunda parte"

Primeiro lugar?

"É muito difícil apanhar o Benfica, mas temos que nos manter fortes."

Equipa respira melhor?

"Na realidade não merecíamos ter perdido com o Porto e com o Benfica. Gosto muito de ganhar e jogar bem. Perder a jogar bem. O ideal é jogar e ganhar bem. É importante ganhar."

Mais jogadores disponíveis para Braga?

"O Jeremy [Mathieu] é um jogador importante. Um jogador que nos dá coisas diferentes. Fico contente de poder ter toda a gente disponível."

Palavra sobre sobre Kobe Bryant

"Gostaria de dar as condolência a essa lenda é o Kobe Bryant. Nós como desportistas sentimos mais. É uma lenda que nos deixa. Foi com tristeza que recebi a notícia. "

Ler mais »

Tempo cinzento, bancadas a condizer e herói inesperado. Sporting regressa aos triunfos frente ao Marítimo

O Sporting venceu, esta segunda-feira, o Marítimo por 1-0, em partida a contar para a 18.ª jornada da I Liga. Cristián Borja marcou o único golo da partida.

O que tem a ver a crueldade dos números com as bancadas despidas em Alvalade? Tudo. Com o leão a 22 pontos do primeiro lugar, e com um jogo marcado para segunda-feira às 21h00.

O mau momento do Sporting ajudou, com ambiente demasiado morno no estádio do leão. Para a partida, o principal atrativo seria a possível estreia do reforço esloveno Andraz Sporar.

A vontade haveria de se lhe feita aos 15 minutos quando entrou para o lugar do lesionado Luis Phellype. O leão iniciou a partida num 4-3-3, com Jesé Rodríguez e Rafael Camacho no apoio Luiz Phellype. Na defesa, Luís Neto juntou-se a Coates. Borja assumiu o lugar do lado esquerdo.

Com o terceiro lugar no pensamento, depois da derrota do Famalicão, o Sporting entrou a querer mandar no jogo através da mobilidade de Bruno Fernandes e da condução de Wendel.

O primeiro sinal de perigo surgiu por intermédio de Ristovski, num pontapé de primeira. A lesão de Luis Phellype à passagem do quarto de hora permitiu a entrada de Sporar, num momento que causou frisson nas bancadas de Alvalade.

Com o Sporting sedento de vitórias e com várias equipas à perna depois da derrota frente ao Benfica (Liga) e SC Braga (Taça da Liga), os verdes e brancos quase marcaram logo no primeiro lance do esloveno. Valeu Amir a negar.

Aos 19´, a equipa da casa marcou mesmo, num pontapé acrobático de Coates, mas o lance foi invalidado. A equipa de Silas estava claramente dominadora, mas não conseguia definir da melhor forma no último terço. Já os insulares estavam encostados lá atrás e sem conseguirem desenvolver jogadas de ataque.

Contudo, apesar da incapacidae em criar foi da equipa de José Gomes a melhor oportunidade da primeira parte. Maximiano negou o golo a Rodrigo Pinho depois de um passe de Nanu (38´).

O Sporting acabava a primeira parte e iniciava a segunda com o golo no pensamento. Rafael Camacho fez a vontade a Silas e aos adeptos do Sporting e marcou, mas o lance acabou invalidado pelo VAR.

Dada a ineficácia leonina, o leão punha-se a jeito. Rodrigo Pinho voltou a assustar Alvalade. Depois de passar por Neto, Coates e Max foi Ristovski a evitar o golo do avançado.

Com a necessidade de somar três pontos, Silas lançava Plata para o lugar de Jesé. O equatoriano teve oportunidade de desbloquear depois de um passe de Bruno Fernandes, mas atirou para os braços de Amir. Ao minuto 70´, Fernandes ensaiou uma das suas habituais bombas, com a bola a embater caprichosamente no ferro.

Parecia que o golo não queria nada com o Sporting, também é certo que as oportunidades criadas também não eram muitas. Ao minuto 76´, Sporting finalmente chegou ao golo por intermédio de uma espécie de herói inesperado: Cristian Borja fuzilou depois de um cruzamento do recém entrado Jovane.

Veja o golo do Sporting

$$video$$

Foi bonito não foi? Mas o Sporting alcançou o que mais necessitava, os três pontos.

Ler mais »

Pedro Proença e a violência no futebol: "É chegada a altura de o governo assumir responsabilidades"

O presidente da Liga Portuguesa de Futebol (LPFP), Pedro Proença, disse hoje, depois de uma reunião no Ministério da Administração Interna (MAI), que o governo deve assumir responsabilidades sobre os recentes casos de violência no futebol.

?O que discutimos com o sr. ministro tem que ver com questões de segurança pública e é chegada a altura de o governo assumir responsabilidades na matéria. O futebol profissional tem seguido o seu percurso de autor regulatório, com capacidade de impor sanções aos seus próprios clubes, e o que viemos exigir é que esta franja de adeptos seja claramente vistoriada. Queremos que haja medidas exemplares de segurança relativamente a esta matéria?, pediu Pedro Proença.

O presidente da LPFP frisou que esta é uma ?luta? dos 34 clubes profissionais de futebol e que não permitirá que ?um conjunto muito reduzido de adeptos manchem as competições profissionais?.

?O futebol vai continuar nessa guerra, que é uma guerra de combate à violência, e em que não admitiremos que quem tem responsabilidade em termos de segurança pública não o faça, porque o futebol paga muito dinheiro para que isto não aconteça?, atirou o ex-árbitro internacional português.

Pedro Proença adiantou ainda que ficou agendada uma reunião para daqui a 30 dias, para apresentação de uma série de medidas, frisando que este ?é um caminho que não terá retorno?.

Numa nota à comunicação social, o MAI revela que vão ser realizadas auditorias de segurança aos estádios da I Liga, através da Autoridade para a Prevenção e o Combate à Violência no Desporto (APCVD), Forças de Segurança e Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, na sequência das quais serão determinadas as alterações a introduzir nos estádios, de modo a permitir a realização de jogos na próxima época.

Adianta ainda esta nota enviada às redações que serão tomadas medidas adicionais de controlo do acesso do público aos jogos considerados de risco elevado, relembrando que na próxima época desportiva entra em vigor o cartão de adepto, que possibilitará a identificação de todos os adeptos que pretendam assistir a um espetáculo desportivo nas zonas reservadas a adeptos que queiram ser portadores de materiais de claque.

Na reunião de hoje, e além de Pedro Proença e elementos da direção da LPFP, estiveram presentes o presidente do Mafra e do Cova da Piedade, assim como Lourenço Coelho, em representação do Benfica, e Patrícia Silva Lopes, em nome do Sporting.

Do lado do governo, o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrito, e João Paulo Rebelo, secretário de Estado do Juventude e Desporto, representaram o governo, numa reunião agendada a pedido da LPFP na sequência dos incidentes no dérbi entre Sporting e Benfica, em que adeptos das claques ?leoninas? lançaram tochas para o relvado, obrigando à interrupção da partida por vários minutos.

Ler mais »

Benfica contrata internacional sul-africana para a equipa de futebol feminino

A internacional sul-africana Chrestinah Thembi Kgatlana, de 23 anos, é reforço da equipa de futebol feminino do Benfica, informou hoje o clube, que lidera o campeonato nacional.

?É o mais recente reforço para a equipa de futebol feminino do Benfica. Chrestinah Thembi Kgatlana, extrema de 23 anos, deixa a China para envergar o Manto Sagrado na época 2019/20?, refere a nota na página oficial do Benfica.

A jogadora chega às ?encarnadas? proveniente das chinesas do Beijing BG Phoenix, depois de ter passado também pela equipa norte-americana Houston Dash, e pelas UWC Ladies e Cape Town Roses, na África do Sul.

"Estou muito entusiasmada por assinar pelo Benfica. Agradeço à equipa, ao presidente, e a todos por me darem a oportunidade de vir para Portugal e para o Benfica", disse Thembi Kgatlana, em declarações à BTV.

Da parte do Benfica, o vice-presidente Fernando Tavares disse serem ?elevadas? as expectativas em relação a Thembi, 18 vezes internacional, e ?considerada a melhor jogadora africana no ano de 2019?.

Thembi é a quarta contratação do Benfica neste mercado de inverno, depois de ter anunciado já em janeiro a chegada da sueca Júlia Spetsmark e das norte-americanas Alana O?Neill e Mimi Asom.

Ler mais »

André Horta causou furor entre os adeptos do Benfica em Paços de Ferreira

Um dia depois de conquistar a Taça da Liga ao serviço do SC Braga, André Horta esteve este domingo nas bancadas do Estádio Capital do Móvel a assistir ao triunfo do Benfica sobre o Paços de Ferreira.

O médio de 23 anos, formado nos encarnados, aproveitou para dar autógrafos e tirar algumas fotografias junto de adeptos benfiquistas.

$$twitter$$

André Horta, recorde-se, jogou pela equipa principal do Benfica na época 2016/17, tendo feito 16 partidas e um golo antes de ser emprestado na época seguinte ao SC Braga.

Ler mais »

Mais de 60 adeptos estão impedidos de entrar em estádios em Portugal

Mais de 60 adeptos estão neste momento impedidos de entrar em recintos desportivos, segundo dados a que o Jornal de Notícias teve acesso. O número quase duplicou em relação ao último verão.

A questão da segurança nos estádios volta a estar na ordem do dia depois dos incidentes nos clássicos de Alvalade, Sporting-FC Porto e Sporting-Benfica, da 15.ª e 17.ª jornada, respetivamente, e também em Guimarães no Vitória-Benfica, para além da detenção de dois adeptos vimaranenses, por invasão no recinto do jogo, na meia-final da Taça da Liga entre Vitória e FC Porto, em Braga.

Após o dérbi de Alvalade, que chegou a estar interrompido cinco minutos devido ao arremesso de tochas, a Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) solicitou uma reunião urgente com o Governo, com o intuito de ?encontrar medidas eficazes para combater este flagelo?.

Nesse sentido, a Liga ?exige que as revistas feitas aos adeptos na entrada para os estádios sejam mais rigorosas e eficazes, de forma a acabar, definitivamente, com a entrada de objetos perigosos e proibidos nos recintos desportivos?.

O encontro terá lugar esta segunda-feira, às 11h30, no Ministério da Administração Interna, em Lisboa.

Ler mais »

Governo recebe Liga de futebol para debater atos de pirotecnia nos estádios

O Governo, através das áreas governativas da Administração Interna e do Desporto, vai receber hoje a Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP), às 11:30.

A reunião ocorre pouco mais de uma semana depois de a LPFP ter divulgado o pedido de uma reunião de urgência ao ministro da Administração Interna, na sequência dos incidentes ocorridos no dérbi entre Sporting e Benfica, em 17 de janeiro, da 17.ª jornada da I Liga, que os ?encarnados? venceram por 2-0.

?Face aos últimos acontecimentos relacionados com os artefactos de pirotecnia que têm deflagrado nos estádios, com efetivo impacto no decorrer do jogo, e colocando, em muitas situações, em causa a integridade física e a segurança de adeptos de todas as idades, o futebol não vai ficar refém de um conjunto de pessoas que, sem rosto, mancham o nome dos clubes e dos seus fiéis e reais adeptos?, anunciou a Liga em comunicado, divulgado a 17 de janeiro, dia em que se jogou o dérbi.

Depois de mais este episódio, a Liga ?exige que as revistas feitas aos adeptos na entrada para os estádios sejam mais rigorosas e eficazes, de forma a acabar, definitivamente, com a entrada de objetos perigosos e proibidos nos recintos desportivos?.

O organismo responsável pelas competições profissionais de futebol em Portugal divulgou o pedido deste encontro depois de o dérbi ter estado interrompido durante mais de cinco minutos, no início da segunda parte, devido ao arremesso de artefactos pirotécnicos para o relvado por adeptos dos ?leões?.

Pedro Proença pretende analisar a situação e ?encontrar medidas eficazes para combater este flagelo?.

O Governo manifestou disponibilidade para a reunião entre as partes, que vai decorrer hoje, pelas 11:30, no Ministério da Administração Interna, em Lisboa.

Ler mais »

Sporting recebe Marítimo de olho no terceiro lugar da I Liga

O Sporting recebe hoje o Marítimo no Estádio José Alvalade, em jogo da 18.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, sabendo que uma vitória permite aos ?leões? subir ao terceiro lugar da classificação.

Depois da derrota do Famalicão na receção ao Santa Clara (1-0), no domingo, os ?verdes e brancos? têm a oportunidade de ascender ao último degrau do pódio do campeonato, uma vez que somam agora 29 pontos frente a 31 da equipa ?sensação? da Liga até então.

Por outro lado, a equipa orientada por Silas quer, frente ao 11.º classificado Marítimo, regressar às vitórias, depois do desaire caseiro no dérbi com o Benfica (2-0), na ronda anterior.

Em dúvida para este encontro, agendado para as 21:00, está o reforço esloveno Sporar, contratado ao Slovan Bratislava, devido a um problema gástrico, somando-se quatro ausências por castigo, casos de Acuña, Bolasie, Eduardo Henrique e Mathieu, e de Vietto, por lesão.

Os madeirenses pretendem prolongar uma série de cinco jogos sem perder para o campeonato, ainda que os últimos dois jogos tenham sido empates, somando atualmente 20 pontos.

Antes, pelas 18:45, o Vitória de Guimarães e Rio Ave, ambas com 25 pontos, vão defrontar-se e podem subir ao quinto lugar à condição em caso de vitória, uma vez que o Sporting de Braga só joga na quarta-feira.

Na terça-feira, o FC Porto defronta o Gil Vicente, à procura de se recolocar a sete pontos do líder Benfica, depois da vitória frente ao Paços de Ferreira (2-0), com o dérbi minhoto entre Moreirense e Sporting de Braga a fechar a 18.ª ronda na quarta-feira.

Programa da 18.ª jornada:

- Domingo, 26 jan:

Tondela ? Vitória de Setúbal, 0-3.

Famalicão ? Santa Clara, 0-1.

Belenenses SAD ? Portimonense, 2-1.

Paços de Ferreira ? Benfica, 0-2.

Desportivo das Aves ? Boavista, 0-1.

- Segunda-feira, 27 jan:

Vitória de Guimarães ? Rio Ave, 18:45.

Sporting ? Marítimo, 21:00.

- Terça-feira, 28 jan:

FC Porto ? Gil Vicente, 20:15.

- Quarta-feira, 29 jan:

Moreirense ? Sporting de Braga, 20:15.

Ler mais »